Home | ACIDENTES | União Europeia e Unicef doam R$ 6 milhões para vítimas das cheias na BA

União Europeia e Unicef doam R$ 6 milhões para vítimas das cheias na BA

*Por: Aloísio Coutinho, RP-MTB: 0006314/BA

Ajuda em boa hora para as vítimas das cheias na Bahia e em Minas Gerais.

A União Europeia (UE), a Cáritas Internacional e o Unicef, Fundo das Nações Unidas para a Infância, vão doar 1 milhão de Euros – pouco mais de R$ 6,3 milhões – para socorrer famílias atingidas pelas inundações dos rios que devastaram cidades nos dois estados.

O anuncio foi feito nesta quarta, 19, pelo pároco da Catedral de São José, padre Gilvan Oliveira Souza, ao final da Missa em Ação de Graças.

O valor será distribuído entre as dioceses de Itabuna, Ilhéus e Teixeira de Freitas e outra de Minas Gerais, estado que também sofre com as chuvas.

“A Cáritas Brasil trouxe a internacional europeia, que fez uma vistoria da situação com representantes da UE e Unicef e constatou que o ocorrido nessas cidades foi uma catástrofe incomum”, atestou o padre Gilvan Souza.

A administração dos recursos

Segundo ele, os recursos serão administrados pela Cáritas Internacional, organismo vinculado à Igreja Católica, em união com a Cáritas Brasil, para reconstruir casas e favorecer os afetados pelas cheias, que devastaram 40% da zona urbana de Itabuna.

“Uma enchente com tantos desabrigados como se viu, em Itabuna, ainda hoje temos desabrigados, é um momento muito terrível que nós estamos vivendo”, declarou o pároco da Catedral de São José.

“Os representantes da União Europeia, Cáritas Internacional e Unicef visitaram as áreas devastadas, os desabrigados e desalojados e viram pessoas sem habitação. A doação desse  € 1 milhão representa muito para as cidades atingidas, incluindo Itabuna”, disse o prefeito Augusto Castro.

Ele lembrou que a Prefeitura continua prestando assistência aos 532 desabrigados que ainda estão em escolas municipais e estaduais, salas da Universidade Federal do Sul da Bahia e outras instituições.

Também disse que avançam os contatos com o Governo do Estado para a construção de 1.100 casas, a partir da doação do terreno, e concessão do cartão digital do Auxílio Recomeço no valor de R$ 3 mil, além do aluguel social no valor de 40% do salário-mínimo.

*Fonte: DiárioBahia

Comentários

Sobre Aloísio Coutinho

Aparecer
Holler Box